Relações

Estava eu conversando com uma amiga ontem e acabamos entrando no assunto relacionamento e a necessidade que algumas pessoas têm de provocar ciúme para testar até onde vai o amor do outro ou de ficar o tempo todo controlando cada passo do outro.

Pra mim, seria tudo tão simples. Estou com alguém porque quero, gosto etc e esse alguém da mesma forma (pelo menos teoricamente). Não vejo porque a necessidade de tanta encenação ou controle, a não ser que haja motivos para suspeirtas.

Claro que temos que demonstrar cuidado, atenção e zelo por quem gostamos, mas as pessoas acham que tudo isso se apresenta no ciúme doentio. Minha amiga até falou que finge ciúme do seu companheiro pra "massagear" o ego dele, disse que faz bem. Eu prefiro ser sincera com minhas emoções e às vezes nem chego a demonstrar, pois posso até colocar mais lenha na fogueira.

Se por acaso a relação me causar muito estresse por causa de ciúme, melhor dar logo um fim. Detesto que peguem no meu pé, que me sufoquem, portanto, prezo pela liberdade do outro também.

*As coisas foram saindo de maneira irresponsável entre um bocejo e outro.

Bom fim de semana pra todo mundo!!

13 Entra aí!:

Karen disse...

Cara, eu sou o contrário. Eu tenho ciúme, e as vezes finjo que não tenho, pra não parecer uma louca.

Agora nem preciso fingir pra mais ngm né, mas shiiiu. HAHHA

E concordo com você, sinceridade bate ponto.

Beijonas.

R.Vinicius disse...

“Quando meu corpo se apagar, quando a alma prevalecer sobre ele, quando eu me desprender aos poucos das coisas materiais como naquela noite em que estive muito doente, então não desejarei mais loucamente o corpo e amarei tanto mais a alma, não sentirei mais ciúmes. Então amarei de verdade”.

Marcel Proust.

Minhas palavras são pequenas para falar sobre o ciúme. Só me cabe dizer "Há no homem o ciúme no objeto, e não no motivo do seu afeto."

Abraço,

R.Vinicius

Liciane disse...

Muito bonito o comentário do Vinícius.
Eu sou uma problemática... casada há 12 anos e tenho ciúme, não queria ter, mas tenho. As vezes fingo não sentir, porque acho muito chato ceninhas... Mas geralmente falo alguma coisa. kkkkkkkk
Eu não entendo bem esse sentimento, se é medo de perder, ou se é possessividade... Mas é ruim.
Ótimo findi!!!
Bjss

exoticlic.com disse...

toda ceninha de ciume tende a ser ridicula

Stella disse...

Eu penso que todo mundo tem ciúme pelo menos uma vez na vida. Só penso que tem que saber controlar. Quando você perceber que o ciúme é super justificado, vai lá ter uma conversa franca e se não der certo, termina. Melhor que ficar presa num relacionamento doentio, vai dizer?
Tem um blog, que o cara fez um post sobre ciúme, muito bom. Concordo totalmente: http://fulgas.blogspot.com/2008/05/becos-escuros.html

Beijos!

Sandra Timm™ disse...

Ciume? É complicado...
Ora tenho, ora não tenho. Tenho onde nao deveria. Deveria onde não tenho... enfim. É muito complicado!

Lou disse...

Eu não preciso fingir ciúmes, sou uma ciumenta nata...

É triste, viu?

Bjim, Monks, bom final de semana!

A Língua Nervosa disse...

o caso é que o ciume as vezes é porque temos tanto medo de perder a pessoa amada...por insegurança mesmo...que temos ciumes das possibilidades....
quando não é doentio...acho um bom tempero sim...porque mostra q queremos o outro, desejamos, zelamos...agora quando isso sufoca...não deixa o outro livre...aí é doença e não vale a pena...é preciso trabalhar os medos, os valores q damos para as coisas....
beijocassssssssss
bom final de semana!

Francisco disse...

O ciúme moderado, até faz bem para as relações. O problema é quando é compulsivo e doentio. Quando sufoca o outro. Daí, só dando um fim mesmo!
Um beijo!

R.Vinicius disse...

Acabei de escrever a continuação e estou postando. Estou com insônia, e acho que ela rendeu algo um tanto diferente.

Abraço,

R.Vinicius

andreia inoue disse...

ciumes todo mundo sente em alguma situacao,mais transformar isso em uma cena vai uma distancia enorme,eu e meu love nos respeitamos e sabemos nos da um espaco,somos casados mais nao somos prisioneiros um do outro,sem contar que onde tem respeito tudo da certo!

Fábio Ventura disse...

eu não tenho ciúmes. odeio quem fica se agarrando na rua, principalmente em lugares fechados.

Déia disse...

Acho que o ciúme está ligado a posse ou a vaidade...ou com o medo de perder e se perder.
Seria bom confiar, pois ninguem continua com o outro por obrigação!
Qto mais sadio o relacionamento, mas preso a nós o outro ficará!
bj