Emotividades.

Já falei que tenho 31 anos, né? Acho idiotice esconder e ninguém diz que tenho essa idade mesmo...ahahahaha! Mas e daí? Daí que, enquanto algumas pessoas da minha idade estão em barzinhos se divertindo e paquerando, eu estou aqui, ouvindo Roberto Carlos, baixando música na internet e de papo com uma amiga do RJ no MSN. Até as senhorinhas que fazem hidroginástica lá na academia são mais cheias de gás que eu.

Mas enfim, quando o Rei cantou "Amor Perfeito" lembrei que essa música foi lançada quando eu tinha de 8 para 9 anos e eu não podia ouvi-la de jeito nenhum sem que caísse em um pranto terrível. E não era só quando ouvia, bastava eu lembrar da música e pronto, uma cachoeira se formava em meus olhos. Na época, meus pais estavam em crise e os conflitos eram constantes e talvez fosse isso que me fizesse chorar ao ouvir a canção.

Muito antes disso, eu também chorava ouvindo umas músicas dos discos Arca de Noé, vocês conhecem? Pois bem, tinham umas músicas tão tristes que quando minha mãe cantava ou colocava para meu irmão dormir, era um berreiro só. Ela, por sua vez, achava que era eu com ciúmes e até hoje morre jurando isso, mesmo que eu morra dizendo que era culpa da música e não do meu irmão.

Eu sou assim, uma manteiga derretida, embora muita gente já tenha me dito que eu sou fria. Como diz a senhora que trabalha aqui em casa: "quem tem boca diz o que quer." Tem coisas que eu não deixo me atingir mesmo e o melhor sentimento é aquele que é espontâneo.

Mudando de assunto:
- Iria decretar feriado hoje no blog, mas essas lembranças me trouxeram vontade de escrever;
- Ah, hoje eu consigo escutar "Amor Perfeito" sem chorar, mas ainda choro se ouvir algumas daquelas músicas dos discos A Arca de Noé (Freud explica?);
- Alguém, por favor, avisa à Vanderléia que ela não está mais na jovem guarda! Não sei como ela ainda consegue se equilibrar naqueles saltos...

Já que falei do Rei e hoje é domingo, deixo aqui a canção "Jovens Tardes de Domingo" pra vocês na voz de Gal Costa.

Beijos.


18 Entra aí!:

Meire disse...

Que engraçado vc gostar do Roberto Carlos. Ontem mesmo ouvi minha avó falar da sala "Será que esse pessoal não cansa dessas músicas velhas que esse homem canta?". Hahahahah. Toda moderninha. Eu tbm fiquei em casa, mas não foi por falta de vontade de sair. Meus amigos resolveram ficar tds em casa, mesmo. =/

andreia inoue disse...

eu gosto das musicas do rc, nao de todas claro,das mais antigonas que sao divinas...e sou mais facil de chorar com filmes e livros,musicas eu tenho que esta a flor da pele!
beijao,

A Língua Nervosa disse...

eu gosto mais da gal costa q roberto carlos...mas quem perguntou isso? hahahahahahaha
agora a Vanderléia de salto....ave ave ave maria!
:)
bom domingooo!

Lou disse...

O pior da Vanderléia são os microvestidos e o cabelo. Feios demais...

Sou que nem vc Monks: todo mundo sai, menos eu. Tatu.

Beijo!

Clara disse...

Ah! Monica eu também gosto de Roberto Carlos e também fico em casa na net,nós somos normais ? kkkkk
quanto a Wandeleia aquele cabelo, minguém merece rrsrs!!
beijos e bom domingo !!

Stella disse...

Eu entendi o objetivo da coisa, mas se existem dois cantores que eu não aguento mais ouvir esses dias são: Michael Jackson e Roberto Carlos.
Acho muito estranho a Globo fazer tanta homenagem pra ele, parece até que o cara morreu... muito bizarro.

Mas tem problema chorar ouvindo Arca de Noé não... eu já chorei vendo filme do Didi Mocó. Todo mundo tem um passado negro. rs

Beijos, querida!!

Andressa disse...

'Eu sou assim, uma manteiga derretida, embora muita gente já tenha me dito que eu sou fria!" -serviu para mim tbm! Hahuhusuhas'

Acho legal seu gosto musical. Eu também, adoro lulu santos, e até tim maia que fizeram parte da minha infancia! ahushuashu'
Gosto é goosto né?

See cuiidaa!

Amiga do Cafa disse...

Qual o problema de ficar em casa ? Às vezes curtimos mais ficando no nosso cantinho, lendo, vendo TV, escrevendo, no computador....enfim, sair não é obrigação social.
O problema é que a nossa " sociedade" acha que felicidade é sinônimo de dançar numa boate+barzinhho+sorriso.
Engano. Grande engano.
Ás vezes, quando saio, e passo a noite fora, me sinto vazio, ás vezes, quando fico só, lendo ou fazendo algo de que gosto, me sinto mais feliz !
Para finalizar...." Ai ai ai...meus 31 anos..."
Beijos e boa tarde de domingo !

Amiga do Cafa disse...

Errata : Me sinto vaziA

Karen disse...

hahahaha
nossa Mô.
eu também sou meio assim 'emotiva', e ultimamente tenho tentando controlar minha emotividade pra me poupar de cenas ridículas [sou mestre nelas]. to meio saturada disso, haha. to tentando ser fria e calculista.. como isso me custa!
mas quanto a você, sua idade, sua emotividade, com certeza tem um caminho lindo pela frente, independentemente de qualquer fator. é só olhar pro coração. e o seu ficou bem exposto em gretas aqui nesse post. adorei :D
beijos

R.Vinicius disse...

Oi.

Eu sou como uma rocha. Dizem que sou frio. Talvez seja fato. Talvez eu realmente seja. Mas já ouvi falarem que não sou frio. Vai entender. Quanto a música fico com Sinatra, Michael Bublé, Cole Porter .. Não gosto de Roberto Carlos.

Abraço,
R.Vinicius

Rafael Belo disse...

As eternas tard de domingo. Sentimento não é empre espontâneo?! Se parece não ser não é porque guardamos só pra nós?! Nada sei hehe posso dizer que escondo certas lágrimas quando um filme marca e um livro termina, mas choro mesmo assim. Belo espaço. bjs sigo agora

Liciane disse...

Que coisa mais linda as músicas de Roberto Carlos!!!
Todas são lindas!!! Eu saí ontem e não assisti ao show, que peninha...
Eu também me emociono com algumas músicas...
Uma vez tomei umas tacinhas de vinho e um senhor começou tocar piano no restaurante, umas músicas liiiiiiiiindas... e começou escorrer algumas lágrimas dos meus olhos...e mais e mais lágrimas e eu não conseguia parar de chorar kkkkk ele deve ter achado que sou uma louca problemática..kkk (e acertou!!) kkkkkkkkkk
Bjss

Rafael Belo disse...

ENtendo sim, hehe! E verá pela minha provocação no "texto" "Sobre o amor (injustamente) platônico. Obrigado e volte, pois eu voltarei sempre beijos boa semana

RITINHA disse...

Sou chorona também e muito! Choro vendo novela, filme, escutando música e até quando deixo Lolo na escola e ela me olha com carinha de quem se sente abandonada, entro no carro e caio no choro. Dia desses Lelê riu porque eu estava chorando enquanto assistia um filme, elas acham engraçado que eu chore por tudo. Beijos!

Rodrigo Brower disse...

Só acho que o Roberto devia se atualizar, viver só no passado não deve ser saudável..mas recordar é viver! Ótima semana Bjss

R.Vinicius disse...

Oi.

Respondendo a sua pergunta. O assassino diz na segunda carta enviada ao Editor "Que ao encontrarem ele vão encontrar Elis." Só que ele envia como blefe falando que ela está morta. No final a mulher encontrada é Elis e ela está viva. Mas como eu disse para o Livro muitos fatos são receber uma luz mais nítida, e vão surgir situações as explicando. Agora vou começar o Romance no Folhas.

Abraço,
R.Vinicius

Adlianny disse...

Apesar de ser um tiquinho mais jovem que vc amiga, às vezes também me pego feito manteiga derretida com algumas coisas que a maioria das pessoas acha uma palhaçada uahuahuauahuahuah. Será que nasci na época errada?? Vai saber rsrsrs
"Amor Perfeito" é mesmo uma música belíssima e vc tava emotiva na época.
As músicas da Arca de Noé ainda te fazem chorar? kkkkkkkkk Só Freud mesmo explica, por isso amo cada vez mais esse cara e viva o inconsciente \o/, coisa de doido né? uhauahuhauahuha vai ver foi obra do tal inconsciente uahuahuah.

A Vabderléia parou no tempo tadinha.

Beijooo amiga e um ótimo começo de semana e vc tá ótima pra idade viu?
Dê dicas depois rsrsrs