Estranha Simetria

Insólita solicito gritos
soletro-te em sons de sim maduros
(qual queres)

mais sólida reconheço-me
em pura alegria

grifo em ti
o que num artifício crias:
o ponto em que sorrindo me desatas

submerges em desmedido gozo
- tu deveras não recatas

a letra tamanha
não acata
nossa estranha simetria

Maria Maia


Foi um dia meio estranho. Vontade de nada, paciência pra nada, nem pra ninguém. Não iria atualizar hoje, mas lembrei do bom e velho site de poesias. Espero estar melhor amanhã.

2 Entra aí!:

Lou disse...

Eu estou quase sempre sem paciência, hahaha...
Melhores dias pra você!
Beijim

Sieger disse...

Eu tb to sem paciencia ³